domingo, 31 de dezembro de 2017

Desejos


(Imagem: Pinterest)

Menos massacre por parte da mídia, mais respeito à inteligência do telespectador. No ano novo, merecemos a qualidade que os meios de comunicação social nos devem.

Sendo inevitável conviver com a mentira, possa a sabedoria ajudar-nos a identificar os mentirosos, desviando-nos de seus caminhos. A começar pelos políticos, a serem fiscalizados, cobrados e denunciados com a mesma devoção com que fraudam e mentem.

Menos sofreguidão dos ricos para enriquecerem mais, compensada por momentos de reflexão sobre o peso que sua ambição representa na vida de uma multidão incontável de pobres e miseráveis. A severidade na cobrança será tão certa quanto sua ilimitada ganância.

Menos a culpa é deles e mais vamos fazer a nossa parte, como resposta à urgência na preservação do meio ambiente, em reação à estonteante estupidez a que, comodamente, nos atrelamos.

Menos discurseira inútil visando o lucro e a urna em torno de temas como racismo, diversidade de gêneros e empoderamento feminino. E mais atitude e respeito em defesa de todos – maiorias e minorias.

Mais acolhimento e valorização à experiência dos idosos; mais cuidado e dedicação à educação dos jovens; mais compaixão e ternura com as crianças. Elas herdarão o ônus de um futuro sombrio, graças à irresponsabilidade do nosso egoísmo.

Mais olho-no-olho e menos olho-no-próprio-umbigo, com polegares digitando compulsivamente rios de bobagens lançadas em profusão nas redes sociais.

Menos violência em relação às pessoas e – por que não? – à pobre Língua Portuguesa, desfigurada e trôpega diante de tantos maus tratos.

Menos arrogância, mais simplicidade e mais verdade.

Começando já, e estendendo-se por todo o ano de 2018 e seguintes.

3 comentários:

Marcia Clark disse...

Gostei muito, caro Eduardo.

Célia Rangel disse...

Esses "Desejos", Eduardo, que dignamente você fez em checklist, deveriam ser documentados com firma reconhecida e divulgados em toda esfera sócio-política e econômica do nosso país. Excelentes!
Possamos nós, com saúde, desfrutarmos alegria em 2018. São meus desejos a você e família.
Abraço.

Marcos disse...

Excelente texto. Hoje sem medo de errar, se sugerido aos "jornalista" sugerindo o tema,70% não teriam essa capacidade e 30% vendidos a midia.
Parabéns.

Amanhecer

(Imagem: Pinterest ) Poeta e contista brasileiro, Pedro du Bois é autor de poema intitulado 'Amanhecer', no qual fustiga a inqu...